Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

afonsonunes

afonsonunes

08 Nov, 2012

Os piquenos

 

 

Alguns citadinos têm o hábito de chamar piquenos aos mais novos, enquanto entre os portugueses em geral, se usa muito a designação de garotos. Mas, também há, principalmente nos meios rurais, quem goste de os tratar por canalha.

Se, ao referir os piquenos é apenas uma derivação de pequenos, já os garotos, ou a canalha, podem ser termos utilizados em sentido mais provocatório, quando não, mesmo ofensivo. No entanto, isso não acontece na maior parte dos casos.

Sem querer desmentir os que muito têm propalado nos últimos dias a falta de nascimentos, atrevo-me a opinar que gente piquena é o que não falta por aí, sempre pronta a fazer-nos corar com o seu vocabulário e, ou, com a sua insolência.

Como é natural, os piquenos são, por natureza, irreverentes e, tendencialmente, propensos ao não cumprimento de regras. Isso não é o que mais incomoda. A mim, nem me incomoda nada. O pior é quando os piquenos querem que os crescidos os imitem.

Tenho por norma não pretender imitar os piquenos, pois já bem me basta verificar que eles estão frequentemente a tentar provocar, e até influenciar, o que dizem e fazem os mais crescidos, embora compreenda que o mundo deles tem especificidades próprias.

Há, porém, certos meios em que os piquenos são ultrapassados pelos garotos, bem mais incisivos e bem mais agressivos nos seus modos. Os mais crescidos, os ignorantes, para eles, são espécimes que andam a mais nos caminhos em que se cruzam.   

Nestes tempos de lutas inglórias por tudo o que se deseja e não se pode ter, até já os meios rurais perceberam que a sua maneira de se exprimir tem hoje um sentido muito mais amplo. A canalha de antigamente é hoje composta por todos os que os maltratam.

Mas, isto não constitui motivo para que alguém desista de ter a sua vida, a vida que lhe apetece viver. O mundo não foi feito apenas para os crescidos. Portanto, temos de saber conviver com a canalha, com os garotos e com os piquenos.  

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.