Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

afonsonunes

afonsonunes

01 Jan, 2013

Saúde e da boa

 

Neste início de mais um ano nas nossas vidas, muito se pode desejar, apesar de muito pouco se poder esperar. Porém, há uma coisa que sempre desejamos com aquela certeza de que, sem ela, nada viremos a conseguir.

Trata-se da saúde, o bem essencial que nos permite resistir a tantos males que, por culpa própria ou alheia, nos caem em cima. Mais que nunca, temos de ter muito cuidado com ela e saber como devemos tratar-nos convenientemente.

Ao que parece, tudo se vai encaminhando para que, quem a deixar estragar, corre o risco de não ter quem lhe acuda a tempo. Isto, se já tiver perdido o emprego, o salário e os subsídios e reformas que o tempo vai levando.

Quanto à esperança, a tão apregoada esperança vinda das vozes que nos têm protegido, ainda nos resta a habitual espectativa das palavras que virão da voz que habitualmente se fará ouvir hoje, lá mais para o final do dia.      

Chamam-lhe Mensagem de Ano Novo. Talvez não seja mais que a velha mensagem que muitos portugueses já preferem não ouvir. Talvez porque tenham receio de que já nem consigam ouvir o habitual voto de boa saúde.

Pelo que me toca, e de muito boa vontade, desejo que a saúde não nos falte mesmo, porque só com muita, e da boa, se vencerá este temido ano que hoje começou.