Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

afonsonunes

afonsonunes

 

De há dois anos para cá, vamos ouvindo o governo e os seus apêndices a falar quase diariamente em sucessos que, passado algum tempo, ou foram esquecidos ou sumidos, de tal forma que só lhe poderemos chamar fracassos.

Eles exultam com as asneiras que fazem, como se tudo estivesse a correr sobre rodas. A verdade é que as rodas não se veem e, em lugar delas, vemos pesados blocos de cimento que ninguém consegue arrastar. São rodas quadradas.

A justiça, que tantas poupanças, novidades, progressos e transformações, forneceram à comunicação social, logo desde o início do exercício deste governo, continua a série de revezes em tudo o que se mete. Só gasta dinheiro.

O sisudo ministro Gaspar, foi visto a rir abertamente em Bruxelas, festejando o sucesso da colocação de dívida. Até parece que a tinha pago. Esta, não é ele que a vai pagar. Há muita gente que não consegue estar tão feliz como ele.

Afinal, as maturidades, tão festivamente apregoadas como outro dos grandes sucessos gasparinos, ainda estão muito verdes para serem dadas como adquiridas. É mais um dos sucessos adiados para tempos de dúvidas.

Não quero deixar de referir mais um grande sucesso agora confirmado. Os CTT vão ser privatizados. Com o sucesso de outras privatizações. Já pouco temos de nosso. O que é bom. Lá vamos deixar de poder mandar cartas ao Menino Jesus.