Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

afonsonunes

afonsonunes

14 Jun, 2013

Tudo muda

 

Tenho ouvido dizer que só os burros não mudam, o que não é verdade, pois, pelo menos os que trabalham, mudam de ferraduras. Os homens calçam sapatos e aos burros pregam-lhes ferraduras nas patas.

Evidentemente que as mudanças nos burros são muito menores que nos homens. Há homens que querem mudar tudo. E depressa. Sobretudo, quando lhes cheira a mudanças que nem qualquer burro faria.

Andam por aí uns sujeitos, que eu apelidaria de exploradores, a explorar os seus espaços, aproveitando as ideias que vão ouvindo por fora, para corrigir a trajetória errática que têm vergonha de reconhecer.

Então, as teorias eleitoralistas e demagógicas dos outros, são agora a sua bandeira para retirar espaço aos adversários, inimigos, como se o mau dos outros tivesse mudado para bom, só porque o tomaram como seu.

Diria a esses exploradores que não precisam de se esforçar tanto para explorar um chão que já deu uvas. Ou seja, passar por vinhas vindimadas. Já não colhem nada ali, pois o que havia a colher já foi para outras mãos.

Podem ter a pretensão de mudar tudo, mas enquanto não começarem por mudar o que está mal, as suas mudanças só deixarão desilusões, frustrações e, em muitos casos, vontade de ir mais além.

Só os burros não mudam. Mas ao menos que haja a coragem de reconhecer que mudaram. Quem tanto se proclamou dentro da perfeição, bem podia agora reconhecer que, afinal, também pode aprender.