Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

afonsonunes

afonsonunes

08 Nov, 2013

A FORÇA DA CERVEJA

 

 

 

O doutor Pires de Lima foi o último ministro a chegar a este governo, vindo do reino da cerveja. À primeira vista parece que uma coisa não tem nada a ver com a outra. Mas, nada na vida está excluída de uma relação.

Supondo que o senhor cerveja era uma imperial bem tirada, o benjamim deste governo, o mais novo no cargo, entrou com muita espuma, a transbordar do copo, vivaço, como que a querer ressuscitar mortos.

Sim, porque o doutor Pires de Lima sabia muito bem que uma boa imperial tem de estar bem viva, sempre a subir, logo, como novo ministro, tinha a ingrata tarefa de fazer subir o governo que não parava de descer.

Ao mesmo tempo tem tentado fazer o que outros ministros, e outros mais, não têm conseguido. Conseguir atrelar o PS à carruagem sem rumo do governo. Apelos e mais apelos, negas e mais negas e nada de novo.

Depois de muitos já terem desistido dessas tentativas, veio mais uma vez o senhor cerveja desafiar o PS a discutir o ‘des-guião’. Isto, depois do seu autor, o seu presidente Portas, já ter desistido de tão ingente tarefa.

Apesar disso, o doutor Pires de Lima ainda acredita no milagre do diálogo de surdos com papagaios. Ou de surdos e papagaios com papagaios e surdos. Aqui, já nem com muita cerveja, o senhor cerveja resolve isto.

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.