Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

afonsonunes

afonsonunes

06 Mar, 2014

AI PODER, PODER...

 

 

O anterior titular da PGR, Pinto Monteiro, entende que algumas das reformas anunciadas para a justiça, têm tiques nazis. É um homem da justiça e de uma personalidade que sempre mostrou saber o que diz.

O doutor Marinho Pinto, personalidade controversa e anterior Bastonário dos advogados, tem comparado muitas das medidas tomadas na justiça por este governo, como um retrocesso aos tempos da ditadura de Salazar.

Seguro e Assis insistiram hoje que a política do PSD tem práticas semelhantes à do Estado Novo do doutor Oliveira Salazar. Eles representam o PS, tão assediado pelo PSD para uma ajuda a governar.

Paulo Rangel, como candidato típico do PSD, não podia deixar de começar já a chamar Sócrates à sua campanha. Continua no passado, pois essa lengalenga já deu os votos que tinha a dar. Talvez já tire mais do que dá.

Polícias disseram hoje que o governo atual está no poder, mas que são elas, as polícias, que detêm o poder. Isto para lá do que representa a força de uma manifestação que já fez tremer o governo, há bem pouco tempo.

Ainda hoje, segundo o Correio da Manhã, esteve ontem no MAI, o presidente do FCP, Pinto da Costa, talvez para condicionar o desfecho da queixa da PSP, sobre a sua desobediência no Estádio do Dragão.

Todas estas questões têm os seus ‘bons e maus’ observadores. Porque ainda há quem seja admirador de Salazar e do seu tempo. Talvez até haja quem compreenda o nazismo. E haja quem queira este futebol corrupto.

Também há quem seja assim, porque não sabe o que é desespero na vida. Porque acha que se sente muito confortável em conviver mal com a democracia. Porque dentro de si, há uma errática ideia de democracia.