Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

afonsonunes

afonsonunes

24 Jun, 2015

OVNI’s

 

Apetecia-me escrever que em Portugal já voou quase tudo e, talvez por isso, abundem à frente dos nossos olhos, muito objetos não identificados por quem os não quer ver. Mas quem insiste em olhar, vê tudo clarinho.

Hoje, para não variar, foram os aviões há muito identificados que voaram como objetos desconhecidos. E com eles, muita tralha desconhecida voou também, rumo a um destino desconhecido. Pelo menos por enquanto.

Há mais de uma dezena de anos aterrou por cá um ‘piloto especial’ já sobejamente identificado. Hoje, viu concretizado o seu sonho e o seu trabalho de todos esses anos. Talvez venha a ser condecorado. E merece.

Podem chamar-lhe Pinto, mas ele é um Galo de alto poleiro e um cantador de amargas vitórias. Porém, não seria nada sem os hospedeiros de bordo, todos bem-parecidos com os mais estranhos OVNI’s que vêm e vão.

Não sei se todos terão alguma relação com uns tantos bem identificados OVNI’s que se viram a aterrar e levantar voo em Gaia. Nomeadamente, um tal de ‘BIG MAC’, que subiu, subiu e só aterrou na Lapa, em Lisboa.

No entanto, sobrevoa o país todo e, segundo a VISÃO, tem muitas histórias para contar. Com muitas coisas a voar, em Gaia com certeza, mas quem voa pelo país todo, não deixará de ter feito das suas em todo o lado.

E arrisca-se a ser escolhido pelos portugueses para ver reforçada a sua força voadora, talvez até devoradora de um país que já tem pouco para ser devorado. E os devoradores são mais que muitos. E muito unidos.

Tão unidos que de tão alto voarem, conseguem contar as suas histórias do fim para o princípio. Coisas de mágoas e lágrimas, de bandidos e ladrões, de facas e alguidares, que comovem gente híper recetiva, que se excita.

Enquanto esses OVNI’s voam livremente, seguros de que nada nem ninguém lhes toca com um dedo, outros portugueses levam com os dedos das duas mão na cara. É este o país justo que eles têm para voltar a dar.