Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

afonsonunes

afonsonunes

03 Dez, 2015

Quatro anos

 

Quatro anos, de primeiro Passos serviu. Querendo mais quatro do mesmo desatino. Mas Costa desde logo anteviu. Que tinha de lhe dar outro destino. Tudo porque o povo sentiu que sempre fora mal servido.

Mas foi sempre bem comido. Seria bem preferível que Passos fosse Jacob, que serviu como pastor para conseguir Raquel, serrana bela. Mas Passos preferiu sempre ser o lobo que levou quatro anos a fustigar o rebanho.

Passos teve sempre a sua serrana bela. A sua Barbie de olhos cheios e porte altivo. Portas detestou-a, domesticou-a, admirou-a. Mas teve sempre a seu lado a jarrinha de olhar vivo. Costa avisa: sozinho sobrevivo.

Durante quatro anos, talvez sim, talvez não. Mas os outros e as outras, nem sequer mais quatro meses. O povo, saturado, tão cedo não lhes dá a mão. Ainda que tivesse de votar, mil e uma vezes. Detesta tão más rezes.