Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

afonsonunes

afonsonunes

04 Set, 2014

REGRESSO LIMPO

 

 

Temos bem presente a limpeza com que saímos do programa de ajustamento e todos recordamos o grande alívio que sentimos. Mas, recordamos com júbilo especial, a recuperação da nossa soberania.

Depois de tão justificadas comemorações, faz todo o sentido festejarmos o regresso dos nossos patrões, já em outubro, mas os maiores festejos, como é natural, pertencerão aos governantes.

No entanto, há qualquer coisa que me deixa intrigado. Se o nosso melhor negociador vai para Bruxelas, seria vantajoso que os nossos patrões negociassem com ele em Bruxelas, até porque era mais fino.

Imagine-se o impacto que essas negociações teriam junto nos nossos credores, dos mercados em geral, sermos um país verdadeiramente internacional em relação à sua dívida. Isso é que era mesmo limpo.

De qualquer forma, vamos ter um regresso limpo das vistorias às nossas asneiras, a fim de serem comparadas com as asneiras deles. Ia jurar que, matematicamente, vão dar asneirada ao quadrado.

Admitindo que o nosso velho novo negociador Moedas vai ter a sua última negociação com a troica, espera-se que deixe já arrumado o dossier, emprego e assuntos sociais, como expert do patrão Junker.

Espero eu, que o expert convença os nabos da troica que os salários dos trabalhadores e as reformas, não sejam pagos em moedas. Mas, vá lá, ao menos que o sejam em notas de dez. Como o dele, Moedas.  

Eu, pessoalmente, acredito sinceramente que o comissário Moedas, consiga ultrapassar largamente todas as espectativas que já tinha criado no governo, nessas matérias. Alguém duvida? Olhe para trás.

A nossa saída foi tão limpa, que Passos vai agora explicar, melhor, demonstrar, aos nossos amigos gregos, como vai ser limpo o regresso aos bons velhos tempos. Mas, por favor, nós não somos a Grécia.