Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

afonsonunes

afonsonunes

10 Fev, 2015

TANTA MASSA!...

 

E eu a julgar que só havia um de dois engenheiros em Portugal com milhões a dar com um pau. Afinal ando muito distraído, pois ‘milhionários’ há por aí como mato em terras incultas. Só que andam por lá a voar.

Ao que parece os franceses são muito mais rápidos que os portugueses, pois já estão no rasto de um dos maiores. É muito estranho que os portugueses nem sequer consigam distinguir o engenheiro rico do pobre.

Não sei se os franceses já descobriram a profissão do perseguido ricaço. Palpita-me que não é nenhum empresário ou gestor português, pois não temos cá nenhum desse género. Muitos são ricos, mas todos são sérios.

Muitos já passaram por alguns governos, mas saíram de lá todos a pedir esmola. Portanto, por aí, nada a investigar. Nem em Portugal nem na França. Até porque já dá muito trabalho a investigar dois engenheiros.

Estou cá desconfiado que os franceses estão a investigar a pessoa errada. Ainda não se aperceberam de que um motorista português andou por lá com um carro carregado de malas repletas de dinheiro. Um balúrdio.

Aí, os portugueses bateram os franceses. Parece que prenderam o motorista que os franceses nem sabiam que existia. E não sabem ainda agora, pois se ele estiver preso cá, não pode ser preso pelos franceses.

Temos de concordar que seiscentos e tal delinquentes tugas cheios de massa e à solta, é muito vigarista. Alguns já fugiram de cá. Ai, não. Se não se punham a pau, ainda lhes iam perguntar onde arranjaram tanta massa.

Mas, era só susto, porque em Portugal não há possibilidade de ir além de dois engenheiros. Portanto, os outros, até fizeram mal em ir-se embora, pois aqui estavam seguros. Lá fora, em França, em Angola… Cuidado!

Porém, nem tudo é desencorajador. De dois presos em Portugal, tudo o indica, só um deles vale mais milhões que todos aqueles que vieram agora para a ribalta. O outro é desperdício. Logo, está tudo bem controlado.

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.